fbpx

Mainova: 60 segundos com Bárbara Monteiro

Bárbara Monteiro

Como nasceu e o que caracteriza os vinhos Mainova?

A Mainova nasceu em contexto familiar. É um projeto de família, ao qual que tive a felicidade de dar vida. Com uma base assente na sustentabilidade e pegada ecológica, a Mainova surge com o compromisso de fazer o melhor possível, com qualidade nos seus produtos de forma inovadora e sustentável. Uma marca que brinda ao futuro sem nunca esquecer a herança, tradições e verdades do passado.

O que torna a região e a quinta de onde são originários especiais?

Situada na zona do Alto Alentejo, a Herdade da Fonte Santa tem séculos de conservação e aperfeiçoamento do seu solo, que conjuga com a experiência nas melhores práticas e processos. É aqui, onde xisto, granito e um ecossistema ímpar se encontram, que uma equipa altamente especializada trabalha para gerar os melhores produtos que a região pode oferecer.

Quais as castas utilizadas / predominantes e que características conferem aos vinhos?

Num terreno onde existia apenas um pequeno olival com cerca de 50 anos, plantaram-se 90 ha de oliveiras (Cordovil, Picual, Cobrançosa, Arbequina e Frantoio) e 20 ha de vinha – as castas foram escolhidas a dedo com a ajuda do viticultor inglês David Booth e incluem apostas unânimes na zona mas também escolhas menos prováveis, como é o caso da Baga e do Encruzado. Restantes castas – Alicante Bouschet, Touriga Nacional, Trincadeira Preta, Castelão, Arinto, Antão Vaz, Verdelho (Gouveio). Escolhas que refletem o ADN irreverente da marca que tem como missão preservar a herança de gerações, mas sempre com os olhos postos no futuro.

O que distingue os vinhos Mainova de outros da mesma região?

As primeiras referências da marca incluem seis variedades de vinho (tinto, branco e rosé) com três diferentes assinaturas – Mainova, Moinante e Milmat. Em comum todos têm o facto de resultarem de uma abordagem sustentável, com regimes de produção biológica e integrada, o que resulta em propostas com pouca intervenção, baixos sulfurosos e maioritariamente vegan.

Que vinhos se destacam da gama e porquê?

O Mainova acaba por ser o cartão de apresentação da marca, mas estamos orgulhosos da família de vinhos que estamos a construir.

A que tipo de consumidor se destinam? 

Um consumidor que gosta de conhecer vinhos novos, interessado e criterioso no que consome. Adoramos consumidores curiosos, que gostem de saber de onde vêm as uvas, como vinificamos e a nossa abordagem.

Se tivesse de descrever os vinhos em três palavras, quais seriam?

Natural, paixão e responsabilidade.

Vão existir outras referências no futuro?

Acabámos de chegar ao mercado, pelo que estamos na fase de afirmação dos novos vinhos, mas pode ser que aconteça, sim.


Últimas Novidades no Adegga


Adegga e Revista Grandes Escolhas reforçam mercado dos vinhos online com serviço inovador
18 vinhos para beber com Sushi
10 Alvarinhos para o Verão 2021

 

Sim! Quero receber as novidades e promoções do Adegga.